Banco americano estuda usar bitcoin como moeda de troca em investimentos

Pouco menos de um mês após o chefe de um dos maiores bancos de investimento do mundo classificar a bitcoin como uma fraude, outro gigante do setor começou a se movimentar no sentido oposto para possivelmente investir nesse mercado.

Nesta segunda-feira, 2, o Wall Street Journal reportou que o Goldman Sachs Group estuda a possibilidade de entrar na área das criptomoedas. Embora a informação tenha vindo de fontes anônimas, uma porta-voz da empresa confirmou a história: “Em resposta ao interesse dos clientes, estamos explorando como servi-los melhor nesse espaço.”

Sobre André Luiz Badaró

Diretor Executivo e Jornalista Responsável