Turista mata bandido após GPS levá-lo a bairro violento no litoral de SP

O rapaz foi direcionado para uma comunidade conhecida como México 70, em São Vicente, no litoral de São Paulo, onde foi abordado por três assaltantes.

Um morador de São Paulo viveu momentos de tensão ao lado de seus amigos enquanto aproveitava o feriado no litoral, na manhã desta segunda-feira (20). Segundo a polícia, o aplicativo de GPS acabou levando o rapaz para uma comunidade violenta de São Vicente, onde ele foi abordado por três criminosos. O turista, que estava armado por ser policial, reagiu e matou um dos suspeitos. O outro ficou ferido e um fugiu.

Segundo informações apuradas pelo G1, o Policial Militar de São Paulo e os amigos estavam em dois carros seguindo no sentido da Praia Grande para curtir a folga do feriado da Consciência Negra, quando o aplicativo de GPS indicou que ele entrasse em uma comunidade da cidade de São Vicente conhecida como México 70, no bairro da Vila Margarida.

Sem conhecer o local, o PM seguiu as orientações do aplicativo e, na Rua Marginal Ponte Mar Pequeno, próximo à Rodovia dos Imigrantes, foi abordado por três criminosos armados. Os bandidos tentaram assaltar o policial que, ao perceber que ele e os amigos corriam risco de morte, atirou contra os assaltantes. Os dois ficaram feridos e um fugiu do local.

De acordo com a polícia, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi chamado para socorrer os criminosos, que foram encaminhados para o Hospital Municipal de São Vicente, antigo CREI. Um deles morreu no hospital e o outro passou por procedimentos cirúrgicos e continua internado sob escolta policial.

Fonte: G1

Sobre André Luiz Badaró

Diretor Executivo e Jornalista Responsável